140.399

maio 23, 2012 Vera 5 Comments


(imagem de.mel.e.de.sal)

Sábado lá fomos nós fotografar o Porto. Foi giro, muito giro mesmo. O Porto é e será sempre a minha cidade preferida. Por motivos racionais e irracionais. É uma cidade linda, diferente, irregular, colorida e ao mesmo tempo cinzentona (sim é possível!), cheia de história, cheia de cantos para descobrir, cheia de sítios velhos e novos, cheia de vida e de coisas boas. Por isso, voltar ao Porto é sempre um prazer (que um dia quero que volte a ser seja um prazer diário)

A prova consistia em 3 temas (dados em momentos e sítios diferentes), com intervalos de cerca de uma hora. Começou no Centro Português de Fotografia (antiga Cadeia da Relação) onde nos entregaram o primeiro tema a fotografar: Cor e o check point onde deveríamos estar dentro de 1hora, o Centro Comercial Miguel Bombarda. Aqui obtivemos o tema seguinte: Ângulo de Visão e respectivo check point: Hard club. E para último tema: Conectividade, com ponto de encontro final na partida. Aqui chegados, deveríamos seccionar uma foto para cada tema e submeter (sem qualquer edição). 

Foi sempre a andar. A Vannya não conhecia o Porto e eu queria mostrar-lhe o máximo que conseguisse. Pelo meio tínhamos que ver tudo, observar tudo para apanharmos uma fotografia decente para enviar. Passamos por tantos sítios ali à volta! Cordoaria, Praça Carlos Alberto, Miguel Bombarda, Travessa de Cedofeita, Praça Filipa de Lencastre, Câmara, Aliados, Rua das Flores, Hard Club/Mercado Ferreira Borges, ruelas da ribeira até À Igreja de São Bento da Vitória, Cadeia da  Relação. Mesmo depois da prova ainda demos um saltinho aos Leões, à Lello, a Vida Portuguesa, subimos Sá da Bandeira, e descemos a 31 de Janeiro. "E aqui é isto, e acolá é aquilo", e tudo o que me fui lembrando. Pelo meio fomos fotografando sempre, que o Porto não cansa (os olhos!). 

A imagem acima é a que escolhi para o tema "cor". É a minha preferida (embora no ecrã da máquina parecesse um bocadinho mais interessante). Não esperamos ganhar nada (embora o 2º e o 3º prémio, cursos de fotografia, fossem coisas muito bem vindas para os nossos lados). 150 participantes, alguns dos quais com um arsenal que pagava o meu carro (talvez um dia...) , mas muitos outros principiantes como nós. Não faço ideia de quando haverá divulgação de resultados mas prometo mostrar as vencedoras. 

Entretanto, ficam com as minhas imagens (as restantes da prova e um pequena parte das muitas outras que fui apanhado pelo percurso). Enjoy!


 (enviada para o tema "Ângulo de visão". )

 (enviada para o tema "Conectividade". Como não sabia como raio é que me havia de desenvencilhar do tema, lembramo-nos de "rede". Encontrei esta, com Gaia desfocada, ao fundo.  )
 

(algures na Ribeira. Pena apanhar o carro ao fundo)

 (@Jardim da Cordoaria - gosto de fotografar estátuas e grafittis, verão muitos nas próximas fotos)

(@Jardim da Cordoaria) 
 
 (Varanda de uma casa entre o Tribunal e o Hospital de Santo António) 


 (Junto aos Leões - é mais junto ao piolho, mas não sei o nome da praça)

 (Detalhe da lateral da Igreja do Carmo. Fotografei para procurar o significado da frase: "Eis o símbolo da salvação, salvai-nos do pecado (?)". Segundo este site, faz parte de uma novena a Nossa Senhora do Carmo)

 (@Mercado Porto Belo, na Praça Carlos Alberto)

 (@Miguel Bombarda)

  (@Miguel Bombarda)

  (@Miguel Bombarda - Parede junto ao CC)

   (@Miguel Bombarda - Parede junto ao CC)

   (@Travessa de Cedofeita - montra)

  (@Travessa de Cedofeita - nunca tinha reparado bem nesta casa. Embora o efeito final não esteja bem conseguido, reparem que cada quadradinho é um "vaso". É uma "fachada-floreira"!!)

   (@Travessa de Cedofeita  - but I'm not sure...)

 (Exterior da embaixada lomográfica do Porto)

  (@Aliados - Uma candidata ao "ângulo de visão")


 (@Aliados - Cavalo da estátua de D, Pedro IV).

 (@Aliados - Visão do ardina).

(@Mouzinho da Silveira).


 (@Rua das Flores (?), em frente ao DOP).

  (@Rua da Vitória).

  (@Rua da Vitória).

  (@Cadeia da Relação).

   (@A Vida Portuguesa).

    (@A Vida Portuguesa)

   (@A Vida Portuguesa - eu tenho um fraquinhos pelas andorinhas da Bordalo).

Também podes gostar disto

5 comentários:

  1. Lindas as fotos!
    Estás una artista! Una artista total:D

    ResponderEliminar
  2. Que fotos fantásticas. Parabéns!

    ResponderEliminar
  3. A "casa" da Travessa de Cedofeita é um espaço aberto ao público, chama-se anémona e tem 4 espaços distintos que representam os 4 elementos! Vale a pena ires lá um dia;)
    Gostei das tuas fotografias;)

    ResponderEliminar
  4. Obrigada a todas! :)

    @Lila: obrigada! Não sabia, tenho que lá voltar *

    ResponderEliminar