Praga: Little Quarter

março 11, 2013 Vera 6 Comments

Embora estivéssemos alojadas em Malá Strana, só ao terceiro dia fomos conhecer a grande maravilha desta margem do Vltava: o Castelo de Praga. O castelo, local de fundação da cidade, não é exactamente "um castelo", mas uma pequena cidade, com vários pontos de interesse (sendo o mais imponent a Catedral de S. Vito).

Porta de Entrada. Como o castelo (ou um dos edifícios do) servem de residência presidencial, o castelo tem guarda permanente. Na hora que chegamos apanhamos um render da guarda.  

Interior do castelo. 

Agora que olho para as fotografias que tenho do interior do castelo, reparo que que todas são da Catedral de S. Vito. A Catedral (e as suas inúmeras torres) dominam de tal forma a paisagem que se torna difícil querer olhar para outro lado.

 As traseiras da catedral e uma tentativa de congelamento de imagem (longe do ideal, mas o frio não dava margem para grandes tentativas).
A construção da catedral demorou cerca de 600 anos (desde o século XIV ao século XX). As torres finas e rendilhadas e as janelas em arco quebrado, são um certo "ohhhh, que espectáculo" para mim.

(parte d')A entrada principal 

 O interior da catedral Adoro o pé direito muito alto  (e a sensação de uau, como é que conseguiram?),  os arcos, as cores no vitral do altar. Detalhes, detalhes e mais detalhes. :)

 Um dos muitos vitrais da catedral. Adoro as cores e os efeitos que a luz faz ao passar por eles.

Os mosaicos do telhado (as catedrais góticas são sempre as mais incríveis).

 Entrada lateral. Com dourados, o relógio, mosaicos...

A gárgula com frio e "barba". 

 E a subida ao castelo valia já por isto: a maravilhosa vista sobre a cidade.

Já fora do castelo, junto à ponte de Mánesúv, um monumento à segunda guerra. Uma inscrição em checo pede para ficarmos um momento em respeito das vitimas e vencedores.

"Karolo Quarto", Carlos IV do Luxamburgo, rei da Boémia no século XIV. Um dos grandes impulsinadores do desenvolvimento da cidade (entre outras coisas, criou a Universidade de Praga, a primeira da Europa Central).

Um dos "vicios" destes lados: esfregar estátuas para dar sorte. E como boas turistas e porque sim, numa das passagens na Ponte Carlos lá fomos nós fazer um festinha ao cão. 

Parte do muro Lennon (aglures na zona "esquerda", quem sai da Ponte Carlos em direcção a Malá Strana). O muro surgiu como uma homenagem (não oficial!) a John Lennon, pouco depois da sua morte. Apesar das várias tentativas de apagar o muro, os grafites apareciam novamente. Ainda hoje em dia o muro vai sofrendo constantes actualizações (camada, sobre camada!). 

Flocos de Neve!

Um Tdrlo (doce típico muito bom) e um chá, para combater o frio lá de fora.




Também podes gostar disto

6 comentários:

  1. Adoro as imagens e a catedral parece ser lindissima!
    Só o meu me desagrada aí é o tempo... brrrr...
    Havia de ser muito mais bonito no Verão :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A catedral é fabulosa. As grandes Catedrais góticas são sempre mas eu não consigo deixar de "abrir a boca" quando vejo uma. :)

      O tempo é mau, é verdade. Mas tem algumas vantagens (aquela que nos pesa na carteira é uma delas!).

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Obrigada. :) Amanhã sai "o último capítulo" de Praga! :)

      Eliminar
  3. Vou ficar à espera do último capítulo de Praga :)
    Para matar saudades!

    ResponderEliminar
  4. Que fotos maravilhosas! Estás mesmo a deixar-me com vontade de visitar :)

    ResponderEliminar