Se este texto não fizer sentido... perdoem-me.

setembro 14, 2016 Vera 2 Comments


Agosto passou e com ele as nossas férias grandes. Tão boas que me deixam com um sorriso no rosto ao lembrar. Um dia prometo que faço um video.

Chegou Setembro, dos recomeços e dos contra-relógios. Com ele passaram já dois dias de festa muito felizes, o Duarte chegou ao alto dos seus 11 meses e está tão bonito, tão crescido. Cumpri 5 dos 7 objectivos a que me propus. Não está mau.

Estamos a meio de Setembro. Já? 

Lá por casa descobrimos uma nova formula que simplifca os dias e os sonos. O Duarte já não dorme antes do jantar e passou a adormecer mais fácilmente depois, adormece mais cedo e dorme melhor. Descobrimos Outlander, e fiquei com muita vontade de voltar à Escócia. Li Siddhartha e A Magia das Mães  .Parece-me que todas as mães deviam ler a Constança. Amanhã vou ver o concerto do Zambujo e do Miguel.

Ainda sinto uma espécie de anestesia pós-férias. Não encontramos uma rotina desde que regressamos e as aulas do pai lá de casa estão quase a começar. A casa continua do avesso. As gatas continuam malucas. A Internet continua cheia de textos bonitos que me apetece partilhar. A minha cabeça está cheia de ideias e os dias não crescem.
Há coisas que não mudam. E ainda bem.


Também podes gostar disto

2 comentários:

  1. Querida Vera,
    Por cá as férias acabaram num dia e o trabalho começou no outro e ainda ando meio maluca a tentar encontrar o meu ritmo no meio da rotina e das coisas para fazer, por isso compreendo perfeitamente o pouco sentido que tu achas que o teu texto possa ter! Estou solidária contigo! Bom regresso às rotinas pós-férias!
    Beijinhos*

    ResponderEliminar