192.366

julho 18, 2012 Vera 0 Comments


Na primeira sessão do Workshop trouxemos como "trabalho de casa" o desafio "uma fotografia por hora". A ideia é, desde que acordarmos até nos deitarmos, tirar uma fotografia a cada hora. Este é sem dúvida um excelente exercício: fotografamos quer em interior, quer em exterior, com vários tipos de luz, em diversos contextos. O facto de termos que tentar tornar fases do nosso quotidiano em fotografias obriga-nos a fugir do óbvio, a pensar na composição, a procurar.  O problema é que tem outros pressupostos: exige disciplina e tempo. E tempo é o que eu não tenho tido nas últimas semanas. Conclusão: o meu trabalho ficou uma valente porcaria. Foi muito difícil conseguir fotografar, fará conseguir fotografar bem e a tempo de imprimir as fotografias e compor um poster. A ideia da impressão era perceber o quão diferente fica uma foto impressa e analisar os vários trabalhos na sessão de Domingo. Estive a um nadinha de decidir não apresentar mas, se é verdade que odeio mostrar coisas sobre as quais não esteja confiante é também verdade que não gosto de desistir. Enfim. Imprimi o que tinha, levei e acabei por achar que apesar de estar muito fraquinho, não estava péssimo. Conseguir tirar vários tipos de fotografia, conseguir testar as várias variáveis e consegui mostrar que sei usar a grande maioria das funções da máquina (o que significa que a partir de agora, todos os problemas das fotografias serão única e exclusivamente culpa minha!). Fiquei com imensa pena de não poder fazer uma coisa em condições mas... melhor dias virão. :)

* Na imagem, uma das fotos do desafio. Parei o carro ao final da tarde e decidi fotografar pessoas que iam a passar (sob risco de alguém se zangar...). Saiu esta para uma das foto das 21h. 

Também podes gostar disto

0 ops: